Ordem das Filhas de Jó
  • 26 mar 2020

Ordem das Filhas de Jó

A Ordem Internacional das Filhas de Jó é uma Instituição Paramaçônica destinada à jovens do sexo feminino entre 10 e 20 anos (incompletos), visando aperfeiçoamento do Caráter.

O nome se refere às três filhas de Jó: Jemima, Quézia e Quéren-Happouk, que são citadas na Bíblia como as “mulheres mais justas de toda a Terra”. A Ordem foi criada no dia 20 de outubro de 1920, na cidade de Omaha, Nebraska, EUA, por Ethel T. Wead Mick e possui como base o capítulo 42, versículo 15 do Livro de Jó: “Em toda a Terra não se encontraram mulheres mais justas que as filhas de Jó e seu pai lhes deu herança entre seus irmãos”

Foi organizada com o consentimento de J. B. Frademburg, Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica de Nebraska, EUA, da Senhora Anna J. Davis, a Grande-Mãe da Ordem da Estrela do Oriente, de Nebraska e James E. Bednar, o Grande Patrono. O primeiro Bethel (que significa “local sagrado”, onde os membros se reúnem) foi instalado no Templo Maçônico de Omaha, Nebraska. Desde então, os Bethéis se multiplicaram por estes países.

A Ordem está no Brasil desde 1990, ano em que foi trazida pelo Irmão Alberto Mansur. O Bethel nº1 foi instalado no Rio de Janeiro e é chamado “Mater do Brasil”. “Jó estava curado e tudo se fez novo em sua vida, até mesmo o fato de somente os filhos homens receberem herança foi inovado por ele e também suas filhas a receberam.

E Deus nos deu o grande presente de podermos conhecer os nomes das suas filhas. Cada nome nos mostra grandes lições em seus significados para aplicarmos também em nossas vidas com Cristo.”

“GRANDE ORIENTE DE SÃO PAULO, RUMO A UM SÉCULO DE REGULARIDADE E FRATERNIDADE 1921-2021″

“Seja na sua Atividade Maçônica aquilo que deseja da Maçonaria”

Sereníssimo Irmão Raimundo Hermes Barbosa