O Piso Mosaico do Templo Maçônico

Entenda seu simbolismo para a Ordem

Publicada por Gosp

Publicada em 03/11/2021

Ao entrarmos em qualquer templo maçônico ao redor do mundo, uma das primeiras coisas que notaremos será o piso de madeira. Nossos olhos, focarão imediatamente no detalhe distinto que ele carrega em seu centro: um mosaico, composto por quadrados pretos e brancos intercalados.

Este detalhe arquitetônico recebe diversas variações do mesmo nome, visto que, alguns o chamam de Piso de Mosaico, enquanto outros preferem usar a palavra Pavimento, e, devido ao seu layout que lembra o clássico jogo de tabuleiro, existem os Irmãos que o chamam simplesmente de Piso Xadrez.

Independentemente da denominação escolhida, todo maçom deve compreender a importância e o significado do piso. Portanto, neste artigo iremos analisar seu simbolismo na Ordem.

Em primeiro lugar, é preciso entender que, embora seja um piso, o mosaico não deve ser pisado. Seu propósito no templo é servir como um lembrete da diversidade humana, bem como o dualismo presente na essência da vida, onde habita as forças contrárias como, o bem e o mal, a verdade e a mentira, a luz e as trevas, o amor e o ódio, a sabedoria e a ignorância, e assim por diante.

Nele também encontramos o altar, com o Livro Sagrado da Lei, o esquadro e o compasso, aludindo às três luzes da Maçonaria.

Outro simbolismo atribuído a este ornamento, é a relação estabelecida entre os Irmãos, que, como sabemos, é alicerçada em fraternidade, igualdade, empatia e companheirismo acima de tudo. 

O piso de mosaico une cores diferentes e opostas, representando a maneira como a Maçonaria reúne homens de diferentes culturas, religiões, classes, raças e origens gerais para compartilhar os mesmos valores filosóficos e propósitos; juntos eles traçam um caminho de vida, que apesar de distintos em suas execuções, são similares no que se refere aos ensinamentos e fundamentos utilizados como guias para levá-los ao Oriente, onde se encontra a tão almejada plenitude Maçônica.

Assim, podemos entendê-lo como uma forma discreta, mas emblemática, de celebrar e homenagear a diversidade presente em nossas Lojas ou Orientes, assim como o convívio harmônico entre os Irmãos, que se estende além das oficinas e continua no mundo profano, refletindo esses laços fraternais em nossos círculos familiares, amigos e também na sociedade na qual estão inseridos.

Por fim, o piso mosaico é uma demonstração simbólica do paradoxo da vida, que nunca é apenas boa ou apenas má, nem mesmo apenas certa ou errada, mas sim um compilado de opostos que se repelem com a mesma intensidade que se atraem, e que no final se completam, contribuindo durante a jornada para a evolução de todos os seres humanos.